×

Inverno! Cuidado com a Tosse! Proteja seu Golden Retriever

Avatar Dr. Marisa Bitante
Escrito por:

Dra. Marisa Bitante

CRMV 09355

Quem nunca ouviu a expressão Tosse de cachorro?

Expressão usada para a doença de nome vulgar “tosse dos canis”’, pois costuma se disseminar com facilidade em lugares com grande aglomerados de cães.

O nome correto para a doença é traqueobronquite infecciosa canina ou simplesmente traqueite, é transmitida por uma ou mais bactérias e, muitas, vezes também está associada a um vírus. Doença extremamente contagiosa.

A Tosse dos Canis é uma doença causada por múltiplos e, às vezes, combinados agentes etiológicos, dentre os quais o principal é a Bordetella bronchiseptica.

Doença de maior incidência durante o inverno e em regiões de baixa temperatura, quando os cães ficam mais expostos ao clima frio e à umidade. a, ela é considerada uma zoonose, ou seja, pode ser transmitida dos animais para as pessoas.

A transmissão da doença acontece da mesma forma que a tosse se dissemina em humanos, através de espirros e tosse (secreção) do animal doente em contato direto com o animal saudável.

Por se tratar de uma doença altamente contagiosa, bactérias e vírus causadores da doença podem ficar em objetos e ambientes frequentados pelo animal doente por até duas semanas. Para a B. bronchiseptica, a transmissão pode ocorrer por mais de 3 meses.

Conheça os sintomas:

  • Várias crises de tosse em um dia;
  • Dificuldade respiratória;
  • Chiado respiratório;
  • Espirros com secreção;
  • Perda de apetite;
  • Vômitos;
  • Apatia;
  • Febre;
  • Mudança de comportamento;

O diagnóstico clínico é baseado na histórico do se Golden Retriever(se teve contato recente com outros cães e se foi vacinado), nos sinais clínicos e na resposta do seu Golden Retriever ao tratamento.

Hemograma de rotina e provas bioquímicas são auxiliares para se estabelecer o estado geral do animal .

Geralmente os animais respondem ao tratamento a Tosse dos Canis dentro de quatro dias a 3 semanas, dependendo da severidade.

Os cães que possuem sinais persistentes por mais de 2 semanas devem ser reavaliados para complicações secundárias ou para a reavaliação do diagnóstico.

O tratamento é realizado com Antibióticos, Antitussígenos e Nebulizaçōes e deverá ser realizado com prescrição do médico veterinário.

As vacinas contra a maioria os agentes virais relacionados a Tosse de Canis vem sendo utilizadas em programas de vacinação na rotina clínica pela grande maioria dos veterinários.

Deixe seu comentário:

Postagens Relacionadas